• SHARE

Por Marketing

Ford

FORD T: o primeiro carro produzido em série2 min read

Tempo Icone
Tempo de leitura - 01:46

Há exatos 110 anos iniciou a produção do FORD T, que tornou realidade o sonho de Henry Ford em produzir carros em série e com  custo baixo para que todos pudessem comprar um. Confira abaixo a trajetória do modelo que vendeu 15 milhões de unidades:

 

Linha do Tempo

 

1908 – É construído o primeiro Ford T em outubro na planta de Piquette Avenue.

 

1909 – Logo no seu primeiro ano, o T participou de uma corrida transcontinental entre Nova York e Seattle, nos EUA. O resultado foi magnífico para a Ford. O T venceu a prova após 6,5 mil quilômetros percorridos em 22 dias e 55 minutos, com velocidade média de 14,4 km/h. 

 

1914 – A partir desta data até 1925 os modelos só estavam disponíveis na cor preta, que tinha secagem mais rápida. Daí surgiu a famosa frase: “Os clientes podem escolher qualquer cor, desde que seja preto”.

 

1917 – Ford atinge a marca de 2 milhões de unidades produzidas.

 

1919 –  Neste período o T passa a contar com partida elétrica, mas a partida manual por meio da manivela não foi eliminada. O solavanco contrário, ocasionado pelo tranco do acionamento do motor, chegou a quebrar o braço de muita gente. Para dar partida no T era necessário ter atenção e jeito.

 

1921 – A Ford atinge 5 milhões de unidades produzidas do T.

 Três anos depois, os modelos produzidos chegam à marca de 10 milhões.

 

1925 – Nasce o modelo T picape. Aliás, uma das principais vantagens do centenário automóvel da Ford era a possibilidade da aplicação de diversas carrocerias.

 

1927 – Em 19 anos o T completava 15 milhões de unidades produzidas e encerrava a produção do modelo que iniciou a popularização do automóvel. A General Motors já começava a disputar fatias acirradas com sua compatriota.

 

1999 – Foi eleito o Carro do Século por um júri de 133 jornalistas.

 

Ficou curioso para ver de perto o FORD T?

Venha até a nossa concessionária de Florianópolis, localizada na SC 401 e conheça este ícone.

 

Fonte da linha do tempo: wm1.com.br, o canal de  notícias da Web Motors