• SHARE

Por Marketing

Finanças

Ter um carro: saiba se cabe no seu orçamento4 min read

Tempo Icone
Tempo de leitura - 03:53

Dirigir o próprio carro é o sonho de muitos brasileiros, tanto para quem precisa chegar ao trabalho, como para quem deseja facilitar os momentos de lazer. Para a maioria das pessoas, ter um carro parece algo bem distante, mas isso pode mudar se você cumprir duas etapas: pesquisa e planejamento

Neste artigo, ajudamos você a decidir se é o momento certo para comprar um carro e o que deve ser considerado nesta compra. Siga a leitura!

 

Carro novo ou seminovo?

 

 

Nem sempre a primeira opção é o carro zero, os seminovos e usados estão subindo na preferência dos brasileiros.

Em algumas situações, é possível até comprar um carro mais equipado por um preço mais baixo. 

A seguir, veja as diferenças entre novos e seminovos!

 

Carros novos

Nada é igual a um carro novo, com garantia de fábrica. Ao adquirir um carro zero Km, você pode ter mais confiança e, dificilmente, terá problemas nos primeiros quilômetros. 

Apesar das vantagens, o preço de um carro zero é mais alto, ou seja, é uma compra que compensa se você está mais organizado financeiramente.

 

Seminovos e usados

Os carros seminovos e usados têm preços mais acessíveis e podem até ser mais potentes e melhores equipados do que carros novos na mesma faixa de preço. 

A diferença é bem grande. Escolhendo um seminovo, você consegue um automóvel muito mais confortável, de quatro portas, com ar-condicionado e até câmbio automático e a depreciação é em torno de 10% menor.

Mas cuidado! É preciso analisar bem o estado de conservação do veículo. Caso contrário, a economia da compra será desperdiçada com o carro sucessivas vezes na oficina.

 

A pesquisa

Um dos erros mais comuns de quem está querendo realizar o sonho de ter um automóvel é pular uma das etapas mais importantes: a pesquisa. 

Comprar um carro é um grande passo e um excelente investimento, mas você precisa acertar na escolha, pois existem diversas opções no mercado. 

Elimine opções considerando as necessidades e como pretende usar o carro. Se é jovem e mora sozinho, não precisa de um SUV. Se tem família e filhos, um hatch pode não ser a melhor opção.

E não se esqueça de pedir o test-drive! Não importa o quão bonito, ou barato um veículo é, você não pode ignorar a sua experiência ao volante.

 

Custos do carro

Além do preço de custo, você terá outros gastos com o carro. Primeiramente, você tem que conhecer os itens de série, ou seja, aqueles que vêm no carro sem o valor final subir.

Dê preferência aos modelos com peças facilmente encontradas e aqueles que não bebem muito combustível. 

Fazer um levantamento dos custos de manutenção é outra precaução importante.

 

Análise das finanças

Para acertar na compra, você não deve ignorar seu orçamento. Sem colocar todos os custos do carro e as demais despesas na ponta do lápis, pode assumir uma dívida que é incapaz de pagar. 

Especialistas em finanças recomendam que as dívidas do mês não ultrapassem 30% dos rendimentos. Se vai fazer a compra em parcelas, considere essa margem. Lembre-se: quanto maior o valor da entrada, menor será o valor das parcelas.

 

O planejamento

Quem sonha em ter um veículo deve se planejar financeiramente para não comprometer o orçamento. A organização deve ser redobrada se você decidiu fazer uma compra parcelada. A seguir, veja o que é importante na organização financeira para comprar um carro.

 

Contexto pessoal

Você precisa considerar a sua real situação. Tudo pesa: idade, salário, estágio de vida familiar e formação educacional. 

Esse exercício de autoconhecimento serve para revelar o atual contexto da sua vida e mostrar se é possível ou não ter um automóvel agora.

 

Formas de pagamento

Você possui alguma forma de entrada? É bem importante ter um dinheiro para dar de entrada. 

Se você sabe que não vai poder comprar o carro à vista, existem diversas alternativas para, ainda assim, concretizar a compra. No Brasil, existem diversas formas de pagamento para ter um veículo:

 

  • à vista;
  • financiamento;
  • leasing;
  • consórcio.

Controle dos gastos

Você já deve ter percebido que será preciso fazer alguns cálculos para ter dinheiro e arcar com todos os custos de ter um carro. Para facilitar, você pode utilizar apps que ajudam no monitoramento das finanças pessoais, como o GuiaBolso e o Organize. Além disso, existem apps que ajudam com as despesas do carro, como o AutoCare e o Carango.

E então, será que chegou a hora pra você? A Ford Dimas produziu um e-book mais completo sobre o tema. Acesse e avalie se ter um automóvel cabe no seu orçamento.

 

Entenda e avalie se ter um carro cabe no seu orçamento