• SHARE

Por Marketing

Oficina

Onde consertar o carro: concessionária ou oficina?4 min read

Tempo Icone
Tempo de leitura - 04:18

Seu carro pifou e você não tem ideia do que causou o problema, pois nunca precisou arrumar absolutamente nada no veículo. Bom, inicialmente, você precisa fazer uma escolha paliativa e decidir onde consertar o carro: na concessionária ou oficina? Vamos esclarecer essa dúvida!

 

Onde consertar o carro?

 

Onde consertar o carro? As concessionárias são mais recomendáveis

O principal fator que torna as oficinas de concessionárias – também chamadas autorizadas – é que nelas seu carro sempre passará por um trabalho preventivo. Seu carro é testado e, quando necessário, é recomendada a troca de peças que, posteriormente, podem trazer problemas.

Essa prática fará seu veículo ter uma vida útil maior e evita grandes despesas, como a troca de uma peça totalmente danificada por outra que apresenta mau funcionamento. Nas oficinas de rua, por outro lado, o trabalho é resolver aqueles problemas que já danificaram seu carro, tanto na mecânica, como na elétrica, ou seja, um trabalho corretivo. 

 

Quando a concessionária é ideal?

 

As concessionárias são ideais em quase todas as situações em função da sua credibilidade e da qualidade de suas peças. Como elas são oficinas autorizadas pelas montadoras, as peças são originais, diferentemente das oficinas, que praticam preços mais baixos por causa das peças mais baratas, que nem sempre são sinônimo de qualidade.

As concessionárias também dispõem de mais recursos, possuem uma estrutura maior e mais sofisticada. Mas se você está com pouca grana e escolheu uma oficina que faz um preço mais baixo, existe um período em que essa economia não vai compensar. Estamos falando do prazo de garantia.

Se você optar por consertar o carro em uma oficina de rua, quando o automóvel ainda está na garantia, é importante saber que está correndo o risco de perdê-la. Esse, aliás, é o momento em que os carros com defeito de fábrica costumam apresentar problemas. Portanto, se o seu carro tem até um ano, faça as revisões obrigatórias na autorizada.

Os veículos que rodam um pouco menos, algo entre 10 a 15 mil km no ano, e que têm até 5 anos também devem escolher as oficinas das concessionárias para fazer manutenção.

 

Por que as oficinas de rua não representam a melhor escolha?

 

O grande atrativo das oficinas de rua para consertar o carro está no preço. Elas conseguem acessar um número maior de peças, porque não se restringem às peças das montadoras. O problema é que esse chamariz pode ser bom, no início, e péssimo alguns meses depois, porque trocar as peças originais ou usar produtos de qualidade desconhecida pode trazer problemas, por exemplo, para a bateria do carro, ou o motor.

Outro ponto está na capacitação dos profissionais. As autorizadas possuem corpo técnico qualificado para executar serviços na mecânica e elétrica do carro. Já as oficinas de rua têm profissionais cuja experiência pode ser menor.

Algumas oficinas autorizadas têm, ainda, outro importante diferencial: elas parcelam o pagamento, deixando o motorista definir a quantidade de parcelas, considerando seu orçamento familiar.

 

Qual deve ser a frequência das revisões?

 

Se você tem práticas semelhantes a do motorista que apresentamos na introdução, precisa adotar outra postura e contribuir mais para a conservação do carro. Revisões são uma bateria de exames para checar todos os componentes importantes do seu carro, por isso, devem ter seus prazos respeitados.

Existem dois números que devem ser considerados, caso você não tenha nenhuma noção de quando deve consertar o carro ou fazer revisões. O primeiro é relativo ao calendário: de seis em seis meses. O segundo é relativo a quilometragem: a cada 10 mil km rodados.

 

A importância de cuidar do seu carro

Uma das principais motivos para você conservar seu carro é segurança. Dificilmente você e a sua família e amigos correrão riscos na estrada se as revisões forem respeitadas. Outro fator importante para você consertar o carro e sempre cuidar dele é uma futura revenda. Nenhum comprador vai se interessar por um carro sujo, mal cuidado e com problemas.

Embora você precise gastar um pouquinho para fazer as revisões, elas evitam altos prejuízos lá na frente. 

 

Oficina Ford Dimas

Seu Ford apresenta falhas, ou então você quer se tornar um motorista mais cuidadoso? Ótimo! Em ambos os casos, a oficina Ford Dimas pode ajudar você. Abaixo, veja alguns trabalhos que realizamos na oficina Ford Dimas:

 

  • Balanceamento;
  • Alinhamento;
  • Troca de óleo;
  • Troca de filtros;
  • Troca de pneus;
  • Freios;
  • Amortecedores;
  • Revisões.

 

Aqui, trabalhamos de duas formas para consertar o carro! Você pode agendar um horário para receber atendimento e consultoria técnica. Depois, seu veículo é incluído na programação da Assistência.

Pela internet, você pode agendar serviços de Mecânica ou Elétrica. Para agendar serviços de funilaria e pintura, faça o agendamento por telefone: (48) 3271-1233.

 

Gostou da leitura? Que tal saber mais sobre os serviços da oficina Ford Dimas e garantir a conservação do seu carro daqui para sempre? Até a próxima!